Nos acompanhe através das redes socias

Boletim Informativo

Para manter-se atualizado, cadastre seu e-mail e receba os nossos informativos periódicos!

19 de Novembro de 2019

Clipping – Diário do Nordeste - Variantes de João e Maria são os nomes mais registrados em Fortaleza

Fonte: Diário do Nordeste

De acordo com um levantamento da Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen), foram registrados 3.554 variações compostas para o nome Maria e 1.443 para João. Enzo e Valentina ocupam a 7º posição

Empatia, ancestralidade, sonoridade e religiosidade são influências que podem determinar a escolha do nome de uma pessoa. Em Fortaleza, os mais comuns registrados em 2019 são as variações de João e Maria, mas há nomes diferentes, que também ocupam espaço de destaque, como Valentina e Enzo, ambos na 7ª posição, de acordo a análise de dados realizada pela Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen/Brasil).

Enzo, inclusive, é o primeiro nome do filho da publicitária Elizângela Bosford, 31. O significado foi um dos fatores mais importantes para a escolha. Em 25 de maio de 2018, o filho tornou-se um dos 916 meninos cearenses registrados como Enzo Gabriel.

Ele foi o segundo mais usado, entre os compostos, com 196 registros no ano, na Capital. Contudo, João, Maria, Pedro e Ana, vocativos clássicos, continuam constantes entre os fortalezenses. A Arpen identificou os registros de 3.554 variações compostas para o nome Maria, 1.443 para João, 1.869 para Ana, 782 para Pedro. Enzo e Valentina tiveram 400 e 156 certidões, respectivamente, segundo o estudo da Associação.

A constante dos nomes João e Maria, de acordo com o pesquisador, tem influência do cristianismo, já que são nomes presentes na Bíblia. “A figura da Virgem Maria no catolicismo é muito presente para os fortalezenses. O marianismo tem um reforço muito grande para realizar homenagens em nomes. Em Portugal, por exemplo, a escolha é feita a partir de nomes de santos”, explica o professor e pesquisador Gilmar de Carvalho.

Dos 12 nomes compostos femininos mais registrados na capital em 2019, oito são variantes de Maria. O nome Maria Cecília lidera com 207 registros, seguido por Maria Clara com 160. Já as variações de João estão presentes seis vezes entre os dez, enquanto Pedro aparece três vezes.

Identidade

Segundo Gilmar de Carvalho, os nomes podem ser escolhidos conforme a época. Empatia por um personagem da novela ou um jogador de futebol. “É como uma aposta que o filho também siga os mesmos caminhos”, esclarece.

“O nome dele ser um dos mais populares foi uma surpresa, eu nunca imaginei. A escolha do nome Enzo foi pelo significado. Senhor do lar, inteligente, comunicativo. A gente lê e se apega”, afirma Elizângela. De acordo com ela, Enzo sempre foi um dos favoritos desde antes de receber a notícia da gravidez. Já Gabriel surgiu para deixar maior e mais forte o vocativo. A origem hebraica e a história bíblica do anjo foram determinantes. “Surgiu com a sugestão de uma amiga, eu fiz a junção e casou”, lembra. 

O pesquisador Gilmar de Carvalho acredita que o nome representa tudo para alguém. “É quase uma antecipação do que seremos, do que podemos ser. É mais que uma marca, é uma essência”, ressalta. A publicitária, por exemplo, já vê características do significado do nome em traços do filho. “Eu não imagino outro nome para ele. Já demonstra totalmente ter os adjetivos dele”, pontua. 

A escolha do nome é um processo muito importante. “Nomes não podem ser escolhidos aleatoriamente, devem ser bem pensados, afetam as pessoas por toda a vida”, declara Gilmar de Carvalho. 


Fonte: Diário do Nordeste

Confira Também